newsletter

Receba gratuitamente e em 1ª mão as notícias do aftermarket automóvel! 



Pneus > Goodyear


Destaque I
Goodyear HydraGrip
 

O HydraGrip é um pneu de Verão de alta performance para veículos de turismo, desenhado especialmente para condições atmosféricas chuvosas e húmidas. Graça à sua tecnologia inovadora DynamicDrain TRED (Drenagem Dinâmica), o HydraGrip permite obter uma segurança única contra o aquaplaning e travagem em piso húmido sem, no entanto, comprometer a sua performance em pisos secos. O objectivo foi criar um pneu que garantisse a máxima segurança nas condições atmosféricas instáveis do Verão em que os aguaceiros e os períodos secos se alternam rapidamente.

A tecnologia DynamicDrain TRED, é uma combinação de características tecnológicas altamente sofisticadas, como a tecnologia 3D-BIS, Lâminas em Cascata e o Design V-TRED, com um Composto da banda de rolamento de alto desempenho concebido para este fim.

DynamicDrain-TRED: Tecnologia 3D-BIS – A Goodyear patenteou o Sistema de Interligação de Blocos Tridimensional (3D-BIS), já famoso pelo sucesso alcançado nos pneus de Inverno da Goodyear, que melhora significativamente o controlo do pneu em piso molhado ou seco graças a um maior número de lâminas no pneu em relação aos pneus laminados tradicionais. Esta tecnologia equipa o pneu com o máximo possível de arestas que "mordem" para garantir um excelente comportamento em situações de aquaplaning e pisos molhados, e preservar, ao mesmo tempo, as características de controlo dinâmico e preciso de um pneu de alta performance com blocos de piso rígidos. A tecnologia 3D-BIS do HydraGrip, aumenta igualmente o comprimento da lamela nos pneus gastos e, deste modo, melhora a performance em piso molhado durante todo o período de vida do pneu.

DynamicDrain-TRED: Lâminas em Cascata – As lâminas em cascata optimizam o contacto com a estrada em situações de travagem em piso seco e molhado, criando um efeito de bloqueio: com um aumento progressivo da rigidez longitudinal, os blocos do ombro do piso reagem como amortecedor de choques em caso de travagem de emergência, com uma eficiência máxima em piso molhado e sem prejudicar a estabilidade do bloco. Por outro lado, a performance permanece excelente em pisos secos. Ao mesmo tempo, a orientação longitudinal destas lamelas reduz a rigidez lateral e permite uma melhor aderência e estabilidade lateral em superfícies escorregadias.

DynamicDrain-TRED: Design V-TRED – O design V-TRED, oferece uma excelente defesa contra o aquaplaning ao longo de toda a vida do pneu. Esta concepção aumenta a drenagem da água conduzindo-a para os sulcos, oferecendo, deste modo, uma protecção adicional em caso de perda de contacto com a estrada. Os engenheiros da Goodyear, melhoraram, também, a sequência dos blocos do piso, de modo a obter-se uma condução silenciosa.

DynamicDrain-TRED: Novo composto do piso – O composto do piso é um factor essencial para a performance deste pneu de Verão de alta performance, que garante a segurança em pisos molhados ou secos. O novo componente do piso do HydraGrip, é o resultado de vários anos de investigação e desenvolvimento em borracha e compostos.

O composto do HydraGrip, possui uma mistura especial de reacção de polímeros de alta performance e um sistema de reforço duplo para permitir um controlo perfeito e uma tracção excepcional em pisos molhados; Um químico criado para repelir a água e melhorar a aderência; Uma camada extremamente fina de borracha altamente reforçada por baixo do composto da banda de rolamento, para permitir conduzir e curvar de forma estável. Estas novas características do componente fazem com que o HydraGrip, tenha uma excelente estabilidade na tracção, na condução e nas curvas em pisos secos e molhados.

Dimensões: de 185/55 R14 a 205/60 R16.
Índices de Velocidade: H, V.

Destaque II
Goodyear Eagle F1 GS-D3
 

O Eagle F1 GS-D3 é um pneu de Verão para veículos ligeiros de média e alta potência. Combina a tecnologia de um pneu de competição com o máximo conforto e segurança no uso diário. A tecnologia OneTRED torna o Eagle F1 GS-D3 particularmente adequado a automóveis de alta performance e também destinados a veículos de tunning. Comportamento em aquaplanning e conforto acústico de superior qualidade graças ao avançado design direccional, são outros predicados.

O desempenho do novo Eagle F1 tem por base a experiência adquirida pela Goodyear ao longo de três décadas nas competições de Fórmula 1. Graças à sua inovadora tecnologia OneTRED, o novo ultra performance Eagle F1 GS-D3, combina as vantagens de um veloz pneu de competição com uma notável resposta à condução no dia-a-dia. O novo pneu topo de gama da Goodyear, destina-se especialmente a automóveis de alta performance, mas também os submetidos a tunning. O Eagle F1, corresponde aos mais exigentes requisitos dos condutores desportivos, proporcionando máxima aderência e agilidade tanto em pisos secos como molhados.

A tecnologia OneTRED, é caracterizada pelos relevos em forma de V, com um fluxo natural de ranhuras longas e largas que formam o piso do pneu. Estas começam nos ombros laterais solidamente elaborados e prolongam-se sem interrupção até a sólida barra central do pneu. Este desenho garante que, na condução tanto em rectas como em curvas, o pneu de alta performance tenha sempre a sua área de contacto alargada que se estende ininterruptamente entre os ombros laterais, tal como num pneu de competição.

Além disso, o novo Eagle F1 apresenta um composto de borracha com utilização de polímeros avançados, desenvolvido em estreita colaboração com a divisão de competição da Goodyear.

Piso de rodagem ininterrupto entre os ombros laterais – A secção central sólida e resistente à torção, que constitui uma das principais características da tecnologia OneTRED, prolonga-se sem interrupção em redor do pneu. Garante um comportamento da direcção extremamente preciso e desportivo. A ampla área dos ombros do novo Eagle F1, realça a agressividade do pneu nas curvas, assegurando uma excelente condução desportiva.

O desenho contínuo OneTRED permite uma distribuição uniforme das forças assimétricas e transversais sobre o piso do pneu, garantindo uma condução particularmente estável. Por outro lado, o novo Eagle F1 alcança os mais elevados desempenhos na travagem e na aceleração. Os engenheiros da Divisão R&D (Pesquisa e Desenvolvimento) da Goodyear, conceberam as extremidades do piso do pneu segundo uma configuração assimétrica de saliências angulares. Isto permite optimizar a solidez do pneu nas curvas e melhorar ainda mais a condução.

O Eagle F1 GS-D3 tem uma área de contacto grande e consistente com a superfície. Para alcançar este resultado, a equipa internacional de desenvolvimento da Goodyear, liderada por Andy Weimer, antigo engenheiro-chefe do desenvolvimento de pneus de competição em Fórmula 1, aplicou o conceito usado nos pneus slick de competição ao desenho do novo pneu de estrada Eagle F1.

Protecção das jantes – O novo Eagle F1 apresenta um rebordo de protecção das jantes em todas as medidas. Este rebordo de borracha cobre a borda da jante e contribui para reduzir o risco de danos provocados pelas bermas dos passeios às ligas especiais das jantes dos carros de alta performance.

Séries disponíveis: 60, 55, 50, 45, 40, 35, 30.
Índices de velocidade: V, W, Y.


Destaque III
Goodyear Excellence
 

O Goodyear Excellence é um pneu de Verão 3 em 1 - Segurança, Conforto e Performance - isto é, incorpora três tecnologias que permitem uma condução segura, um comportamento excelente e uma excepcional sensação de conforto. O equilíbrio deste pneumático, traduz-se numa grande precisão, levando a um melhor controlo nas curvas, alto poder de travagem, excelente conforto e redução de ruído.

No desenvolvimento do Excellence, a equipa técnica da Goodyear quis conciliar critérios distintos para responder a todas as necessidades, ou seja, satisfazer tanto o condutor que prefere um modo de conduzir orientado para o conforto, como aquele que prefere a desportividade na condução, sem renunciar em ambos os casos às amplas margens de segurança.

A arquitectura e os materiais empregues na sua construção são de última geração e respondem a um exigente leque de condições, baseando-se no emprego da inovadora Extreme Safety Technology (Tecnologia de Grande Segurança). Neste sentido, destaque para o avançado composto de polímeros, que proporciona uma excelente prestação na travagem e aceleração, sem esquecer a excepcional aderência sobre superfícies molhadas.

O Excellence possui estabilizadores nos ombros externos que minimizam os efeitos prejudiciais das violentas transferências de massas, sempre com o melhor controlo. Ajudam a transferir peso durante manobras no limite, ao mesmo tempo que proporcionam uma distribuição uniforme da pressão na área de contacto para uma condução precisa e um desgaste do piso uniforme.

Os blocos centrais inclinados em 75º melhoram a aderência longitudinal e lateral sobre superfícies molhadas, a que se juntam os grandes canais circunferenciais para uma adequada evacuação da água. Desta forma, consegue-se uma segurança excepcional contra as situações de aquaplaning em qualquer velocidade. Além disso, o polímero de borracha do Excellence oferece a melhor aderência para uma alta performance em condições de piso molhado e seco. Mesmo quando a estrada se encontra encharcada, o revolucionário composto de sílica da Goodyear mantém os pneus firmemente agarrados à estrada.

O rumor foi outro aspecto que o Excellence conseguiu diminuir, melhorando o conforto e o prazer de condução. Por fim, o vector ambiental também foi abrangido. O inovador composto de sílica leva à necessidade de menos energia para o movimento do pneumático, traduzindo-se em menor consumo de combustível e menos emissões de Co2.

Séries disponíveis: 35, 40, 45, 50, 55, 60, 65.
Índices de velocidade: H, V, W, Y.

Destaque IV
Goodyear GT3
 

O GT3 da Goodyear é um pneu de Verão para veículos ligeiros de média potência. É o primeiro pneu no mercado a usar BioTRED, um novo composto derivado do milho. O BioTRED, uma inovação patenteada, desenvolvido no centro técnico da companhia no Luxemburgo, substitui em 20% os convencionais negro de fumo e sílica. Em breve passará para 50% e, por fim, atingirá a sua substituição total. Isto representa importantes vantagens ambientais, incluindo uma notável redução de resistência ao rolamento e, consequentemente, menor consumo de combustível, redução do ruído, menores emissões de dióxido de carbono e menos consumo de energia no processo de produção.

Além disso, o BioTRED usa compostos renováveis contra fontes não renováveis. A goma usada na produção do BioTRED vem do milho, num processo semelhante ao que é usado nas indústrias alimentares. Depois, é tratado para se obter microgotas de goma.

No passo seguinte, estas microgotas são tratadas, de forma a serem transformadas num filler (aditivo que reforça o processo mecânico da borracha) que é um polímero biológico. O produto final tem propriedades físicas que diferem substancialmente das dos fillers tradicionais. A gravidade inferior específica deste novo material também reduz o peso do pneu e a inércia ao rolamento, melhorando ainda mais o rendimento do combustível: ao fim de 40000 quilómetros, o ganho estimado é equivalente ao preço de dois novos pneus. Além destas vantagens, nos testes realizados, o GT3 apresentou uma redução de cerca de três decibéis em relação ao pneu Goodyear GT2. Isto traduz se num decréscimo de 50% em termos de audição humana.

A estas vantagens a Goodyear somou, ainda, o sistema de lâminas 3D BIS (3 Dimensional Block InterIocking System Sistema de Interligação de Blocos Tridimensional) nos blocos centrais do pneu GT3, melhorando a performance do produto em piso seco e molhado.

A tecnologia 3D BIS consiste em lâminas com reentrâncias e saliências semi esféricas, que se interligam e reforçam o bloco do piso do pneu. Esta tecnologia oferece uma aderência segura, tanto em rectas quanto em curvas. Além disso, o sistema 3D BIS permite aumentar a densidade das lâminas para se obter uma maior tracção em superfícies molhadas, enquanto mantém uma óptima rigidez dos blocos para uma boa performance em termos de condução.

Séries disponíveis: 70, 65, 60.
Índice de velocidade: T.

Destaque V
Goodyear Eagle NCT 5
 

O Eagle NCT 5 é um pneu de Verão para veículos ligeiros de média e alta potência. Apresenta as últimas técnicas de desenvolvimento e fabricação no melhoramento do uso de energia e recursos. O seu composto de sílica na banda de rodagem, desenvolvido recentemente, reduz a energia necessária para a rodagem do pneu. Isto permite uma redução no consumo de combustível até 5% sobre o seu predecessor, sendo o resultado uma redução importante nas emissões de dióxido de carbono.

A nova tecnologia do composto de sílica do modelo Eagle NCT 5, proporciona, também, melhor aderência no molhado e os sulcos de desenho circular permitem uma melhor dispersão da água, mantendo uma rodagem adequada na superfície de contacto. Além disso, o Eagle NCT 5 tem até 25% mais de vida útil, oferecendo mais quilómetros pelo dinheiro dispendido. Com uma redução dos níveis de ruído, o Eagle NCT 5 oferece um conjunto de características que não só são melhores para o meio ambiente, como também intensificam o prazer de conduzir.

Composto de sílica: reduz a quantidade de energia necessária para a rodagem do pneu e aumenta a aderência no molhado; Peso do pneu reduzido: reduz a quantidade de energia necessária para a rodagem do pneu e reduz a quantidade de material necessário no processo de elaboração; Ombros melhorados em relação à rigidez central: tensão do pneumático homogénea e distribuição da carga; Laminado radial dos ombros: bordas dentadas adicionais; Relevo de sulcos laterais: previne a deterioração lateral; Ranhuras longitudinais: facilitam a dispersão da água; Sequência de passo de 4 tempos melhorada: reduz o ruído de alta frequência; Estria central sólida: facilita a manutenção da estabilidade em linha recta.

Séries disponíveis: 70, 65, 60, 55, 50, 45.
Índices de velocidade: H, V, W, Y.

Destaque VI
Goodyear Wrangler HP
 

O Wrangler HP é um pneumático para os vehículos todo-o-terreno que percorrem, essencialmente, as mesmas estradas que os vehículos ligeiros de passageiros. Apresenta, também, um bom desempenho fora de estrada. Ideal para utilização em todas as estações do ano, sob condições metereológicas variáveis. Graças à sua inovadora tecnología SmartTRED, que reage à metereologia (Weather Reactive Technology), o Wrangler HP, oferece aderência e tracção em superfícies escorregadias graças ao centro brando da banda de rodagem, assim como capacidade de manobra e travagem em estradas secas graças aos blocos maciços do ombro.

A sonoridade dos pneumáticos constitui um parâmetro fundamental de uma condução cómoda. O novo Wrangler HP é 10% mais silencioso que o seu predecessor. O Wrangler HP, incorpora, ainda, um protector da orla da jante em todas as medidas. Esta protuberância de goma sobressai da borda da jante, contribuindo, deste modo, para reducir o risco de os passeios danificarem as custosas jantes de liga leve.

Séries disponíveis: 80, 75, 70, 65, 60, 55, 50.
Índices de velocidade: S, H, V.

Destaque VII
Goodyear Wrangler F1
 

O Wrangler F1 é um pneumático para vehículos todo-o-terreno que percorrem estrada. O piso apresenta um desenho em V, para maximização na dispersão da água e resistência ao aquaplaning. O piso com blocos proporciona uma rigidez optimizada, taduzindo-se numa condução e aderência melhoradas. A sequência dos blocos é optimizada, para redução do ruído e maior conforto. Inclui composto de última geração com sílica, para maior aderência em piso molhado e mais quilometragem. Possui uma alta resistência à força centrifuga.

Séries disponíveis: 65, 60, 55, 50, 45, 40, 30.
Índices de velocidade: V, W, ZR.

ACERCA DA GOODYEAR
 

A Goodyear é uma marca norte americana propriedade da maior companhia de pneus do mundo, a Goodyear Tire & Rubber, que integra também as marcas Dunlop, Sava, Fulda, Debica, entre outras. Conta com um quadro de pessoal de quase 100 mil empregados, possui 77 unidades produtivas, 4 centros técnicos, 4 pistas de teste e 3 plantações de borracha. O pé com asas de Mercurio, símbolo da companhia desde a sua fundação, produz actualmente 150 milhões de pneumáticos por ano.

O nome Goodyear está associado à primeira grande invenção que em conjunto com outras surgidas posteriormente abriram caminho para os pneumáticos que hoje conhecemos e que equipam milhões de veículos. Com efeito, foi Charles Goodyear (1800-1860), quem em 1844 inventou a borracha vulcanizada, mais tarde usada para produzir pneus. A companhia Goodyear aparece ainda associada a outra grande invenção: em 1903, P.W. Litchfield da Goodyear Tire Company, patenteou o primeiro pneu tubeless, comercialmente explorado meio século depois.

Antes do invento da vulcanização da borracha, esta era apenas uma goma pegajosa usada para impermeabilizar tecidos. Charles Goodyear, inicialmente empenhado no desenvolvimento dos coletes salva-vidas, começou a interessar-se em resolver o problema da estabilidade da borracha. Apesar de ter tido dificuldades com a saúde (e financeiras, que o levaram à prisão), nunca deixou de fazer as suas experiências com a borracha e, através de um acidente feliz, descobre a vulcanização. O seu pedido de patente data de 1841. Até 1843, o invento foi alvo de inúmeras disputas. Mas o nome da família só se tornaria mundialmente conhecido quase 40 anos depois, quando uma pequena fábrica fundada em Akron (Ohio), Estados Unidos, fez do nome Goodyear um sinónimo de pneus.

A história da Goodyear Tire & Rubber começa em Akron, em 1898, com um investimento inicial de cem mil dólares e 13 funcionários. Os ingredientes decisivos para o seu sucesso foram o espírito empreendedor de Frank Seiberling, o fundador, e a criatividade e o talento para a conquista de novos mercados de Paul Litchfield, projectista de pneus, coordenador de produção, chefe de pessoal e, mais tarde, durante três décadas, presidente. Foram eles que colocaram a Goodyear, já em 1916, na liderança das vendas de pneus nos Estados Unidos. Como símbolo, Seiberling escolheu o desenho do pé alado de Mercúrio, pela ideia de velocidade que sugeria.

A Goodyear teve de conquistar a sua posição lado a lado com os detentores das primeiras patentes de pneus insufláveis (pneumáticos), onde se inclui John Boyd Dunlop, que inventou o primeiro pneu insuflável para bicicleta, que patenteou em 1888.

O primeiro produto genuinamente Goodyear para automóvel, o Straight Side, era um pneu mais fácil de trocar, e tornou-se o primeiro pneu de equipamento de origem da Goodyear. Em 1909, com dois modelos Straight Side, a Goodyear conseguia dar resposta a 36% da procura de pneus para equipamento de origem nos Estados Unidos.

Para provar que o seu produto era melhor do que os da concorrência, a companhia testou-o nas 500 milhas de Indianápolis, em 1913, no carro do campeão, o piloto Ralph de Palma. Nesta altura tinha uma fábrica no Canadá a funcionar desde 1910, entrara no campo das exportações com um escritório em Londres (1912) e começaria a cultivar a sua própria borracha na Indonésia em 1916.

Em 1916, a Goodyear produziu dois mil pneumáticos e 125 mil pneus maciços para camiões. No auge da 1ª Guerra Mundial, em 1918, fabricou 40 mil pneumáticos e mais de meio milhão de pneus maciços. Os pneus para aviões equiparam parte dos 11 mil aviões usados no conflito. Mas o seu desenvolvimento mais espectacular no período foi a produção da série de balões de observação e pequenos dirigíveis. A partir dessas e de tantas outras experiências, nasceu a divisão de produtos aeronáuticos da companhia.

Depois da guerra, a Goodyear passou a fornecer 60% dos pneus de automóvel, dentro dos Estados Unidos, mais de 35% dos de camião, 50% dos pneus de motocicleta e 60% das necessidades dos fabricantes de carruagens.

Quando os Estados Unidos mergulharam na grande depressão do fim dos anos 20, os pneus da Goodyear eram exportados para 145 países, e a sua participação no mercado externo de substituição rondava os 20%.

O pneu de avião, aperfeiçoado em 1929, tornou-se padrão na Força Aérea americana. O seu desenvolvimento inspirou a concepção dos pneus para veículos agrícolas, de mineração e de transporte de automóveis que saíam das fábricas.

Depois da recuperação financeira da América no início da década de 30, a empresa desenvolveu a borracha sintética Chemingum, e começou a usá-la na composição de pneus. Outras fibras sintéticas como o Rayon, depois o Nylon, entraram na composição de carcaça, e foram estas descobertas que ampliaram os negócios da Goodyear na área química.

Quando Hitler invadiu a Polónia em 1 de Setembro de 1939, as operações da Goodyear estendiam-se por todos os continentes, menos a Antártida. O esforço de guerra acrescentaria mais um negócio à companhia: a Goodyear Aircraft Co. (GAC). Produziu mais de um bilião de dólares em materiais bélicos a partir da entrada dos Estados Unidos na guerra, em 1941. O número dos seus funcionários saltou de 140 para 32 mil. As actividades da GAC, rebaptizada Goodyear Aero-Space, em 1963, continuaram a fazer história. Foi ela que produziu, por exemplo, os pneus que equiparam o carro levado pelos astronautas da Apoio 14, para explorar a superfície da Lua em 1971.

A presença da Goodyear no mercado mundial multiplicou-se depois da guerra. Os negócios estenderam-se por 17 países. A Europa ganhou um centro técnico de pesquisas no Luxemburgo (1957), o segundo da companhia depois de Akron, para desenvolver novas linhas para o mercado europeu e, também, em Dezembro de 1958, o escritório de vendas de Portugal.

A Goodyear americana teve de fazer frente aos pneus radiais que a concorrente francesa Michelin desenvolvera em 1948, respondendo com o pneu de poliéster em 1962, e com o diagonal com cintas, em 1967. O novo produto ganhou a aprovação de Detroit, e na década de 70, tomou-se o preferido do mercado.

Ainda em 1962, a Goodyear Tire & Rubber Company, adquire a Fulda. A Goodyear constituiu uma joint-venture na Austrália, em 1987, com a Pacific Dunlop; Em 1995, adquiriu 60% das acções de uma fábrica em Dalian, na China, que produz dois milhões de pneus por ano, e o controlo accionário da TC Debica, na Polónia; e mais recentemente a Sime Darby, nas Filipinas, e a Sava, na Eslovénia.

Em 1997, a Goodyear facturou 14 biliões de dólares, principalmente com a venda de pneus, mas igualmente com produtos de borracha e seus derivados para a indústria e outras aplicações. A produção total foi obtida em 75 fábricas distribuídas por 29 países.

Em 1999, a Goodyear constituiu uma aliança global com a Sumitomo Rubber Industries Ltd., restabelecendo a Goodyear como a maior companhia de pneus do mundo. A aliança com a Sumitomo, que estende à Goodyear os direitos da marca de pneus Dunlop na maior parte do mundo, estabeleceu seis joint ventures na Europa, Japão e América do Norte.


A Goodyear está no centro dos Grandes Prémios desde 1965, altura em que a Ferrari era a única das actuais equipas que já fazia parte da Formula 1. As estatísticas são um indicador do extenso compromisso que a companhia tomou com a mais avançada categoria de corridas de carros do mundo. Durante 34 temporadas – a Goodyear teve quase 500 presenças em Grandes Prémios, que arrebataram 368 vitórias individuais, 25 Campeonatos de Condutores e 26 de Construtores.

A Goodyear está também presente na Indy/Cart desde o seu início (1963), mas retirou-se no final de 1999. Tratou-se de uma participação de grande sucesso em 36 anos. Actualmente, a Goodyear está na Nascar, circuito que tem vindo a ganhar adeptos na Europa, tendo sido a Goodyear que forneceu os primeiros pneus para esta categoria em 1959. 

Textos: David Cupertino e Goodyear | Fotos: Goodyear


Quem Somos   |   Contactos   |   Publicidade   |   MKT Empresas   |   Condições Legais