newsletter

Receba gratuitamente e em 1ª mão as notícias do aftermarket automóvel! 



Truques de Limpeza no Car Care

1 Setembro 2009

Os procedimentos correctos para tratamento de gotas de resina das árvores, excremento seco de aves, insectos incrustados na pintura, marcas de polidor nos plásticos, autocolantes no pára-brisas.

Gotas de resina das árvores 

O que se costuma afirmar: Nem todas as gotas de resina se tratam da mesma maneira. Para um bom resultado, é preciso saber de que árvore provém a resina. No caso do pinheiro, as gotas retiram-se facilmente com a ajuda de um produto específico como um anti-resina.
O correcto: Com gotas grandes ou secas há muito tempo não é assim tão fácil. O produto anti-resina tem de actuar pelo menos 20 minutos. Depois devemos dar pequenas pancadas no topo da gota para partir a resina. Uma espátula de escultor (à venda nas lojas de artigos para pintura) fina faz o resto do trabalho. Há 99% de hipóteses de o verniz ter ficado danificado. Massa de polir grossa também pode ir cortando uma gota de grandes dimensões.

O que se costuma afirmar: Para as outras resinas, é necessário utilizar um algodão embebido em água quente e champô. Mas em todos os casos, é imperativo eliminá-la antes que ataque a pintura.
O correcto: Água quente e champô não removem resina de espécie alguma. Talvez um ou outro fluído pegajoso de origem vegetal mas mais do que isso…procure ajuda profissional!

Excremento seco de aves 

O que se costuma afirmar: Para os excrementos de aves secos, a regra de ouro é não esfregar. Para eliminar as marcas mesmo depois de incrustadas, é suficiente uma esponja embebida em champô diluído e deixar actuar. A operação deverá repetir-se até desaparecerem completamente as marcas. Se as manchas subsistirem na carroçaria, aplicar um apaga rasuras.
O correcto: De modo algum. Os dejectos de aves são ricos, entre outros, em ácido úrico, extremamente corrosivo (mais do que sulfúrico!). Após uns meros 45 minutos sob sol directo, o ácido já chegou à superfície do verniz (isto num veículo com a pintura selada ou encerada, bem entendido!). O resultado é uma mancha que só sairá com polimento e posterior selagem/enceramento. Se o dejecto já está seco, então já passaram mais de 45 minutos…

Insectos incrustados na pintura

O que se costuma afirmar: Com o percorrer dos quilómetros, um grande número de insectos e particularmente de mosquitos incrustam-se na pintura das viaturas. Devido à sua decomposição, os mosquitos libertam uma substância ácida que ataca a pintura e deixa marcas. Para eliminar estas marcas desagradáveis, uma lavagem enérgica seguida da aplicação de um apaga rasuras é o suficiente. Seguidamente para a superfície ficar brilhante, aplicar um lustrador.
O correcto: Se depois de uma aplicação de produto anti-mosquitos (na pré lavagem) e de lavar o veículo com máquina de pressão, as marcas subsistirem, remover com um polish fino. Provavelmente nada irá acontecer (as marcas visíveis são depressões na superfície do verniz…). Procure ajuda profissional!!

Marcas de polidor nos plásticos

O que se costuma afirmar: Após da passagem de polidor ou de lustrador, acontece que por vezes as partes plásticas ficam marcadas. As marcas brancas que aparecem nos plásticos desaparecem facilmente se forem esfregadas com uma escova e com um produto de limpeza multiuso.
O correcto: Que detergente multiuso? Por norma, isolamos todos os plásticos pretos antes de polir uma viatura. Porque perdemos tanto tempo com esta operação se é tão fácil remover a massa de polir? O melhor é mesmo isolar com fita de papel (de pintor) antes de polir.

Autocolantes no pára-brisas

O que se costuma afirmar:
Cada vez mais as vinhetas autocolantes são utilizadas no pára-brisas. Para evitar os vestígios de cola que deixam quando são retirados, basta pulverizar com um pouco de anti-resina e limpar.
O correcto: Para retirar restos de cola do vidro use acetona, petrovale (petróleo de limpeza) ou aguarás. O anti-resina é bem mais caro. Use-o para…resina!

Apoio Técnico de:


Mr. CAP Sintra
Detalhe e Renovação Automóvel 
Miguel Nunes Gonçalves
Tel./Fax: +351 21 9619195
Mob.: +351 96 2406576
E-mail:
mrcap.sintra@sapo.pt




Limpeza automóvel com um toque feminino
Quem Somos   |   Contactos   |   Publicidade   |   MKT Empresas   |   Condições Legais