newsletter

Receba gratuitamente e em 1ª mão as notícias do aftermarket automóvel! 



Glossário Baterias

18 Agosto 2009

Sabe o que é um Ciclo? Ou o que significa as iniciais DIN? Ou ainda o que é a Recombinação?

Nas linhas seguintes poderá ficar a conhecer estas e outras designações utilizadas no mundo das baterias auto.

CCA – Cold Cranking Amps. Os máximos amperes que podem ser continuamente removidos de uma bateria durante 30 segundos. A 0ºC com uma voltagem terminal de 7,2 voltes.

Ciclo – A descarga e consequente carga de uma célula/bateria recarregável.

Antimónio – Um mineral usado para ligar o chumbo nas baterias de forma a aumentar a sua força mecânica. O antimónio também dá à bateria melhores propriedades de ciclismo, muito embora aumente o consumo de água.

Carregamento Boost – Carregamento suplementar da bateria para plena carga. Isto é feito para manter a capacidade da bateria e compensar a auto descarga.

Recombinação – Numa bateria de chumbo-ácido, a electrólise da água dá-se produzindo oxigénio a partir da placa positiva e hidrogénio da placa negativa. Na recombinação, o oxigénio e o hidrogénio são recombinados em H2O ou água.

Electrólito – O químico condutor (como o ácido), geralmente fluído ou gel, onde a passagem de electricidade tem lugar na bateria, e que suporta as reacções químicas necessárias.

Gás – O carregamento de baterias de chumbo-ácido causa a formação de gás e líquido. Quando o gás verte para fora, a água tem de ser reabastecida.

Gel – O electrólito em algumas baterias está em forma de gel. As baterias a gel são isentas de manutenção.

Dióxido de chumbo – O material activo nos eléctrodos positivos de uma bateria.

Chumbo esponjoso metálico – O material activo nos eléctrodos negativos de uma bateria.

UPS – Uninterrupted Power Supply ( Fornecimento de Energia Ininterruptamente).

Impedância – Similar à resistência mas aplicável aos circuitos AC. Medido em ohms.

Acumulador de chumbo – Bateria de chumbo-ácido, recarregável.

Carga pulso – O carregador regula e adapta-se ao estado da bateria. Depois do carregamento completo, a bateria muda para carga flutuante e o risco de sobrecarga é eliminado.

Auto descarga – A perda de capacidade útil de uma célula ou bateria devido à acção química interna.

Voltagem de descanso – A voltagem de uma bateria quando não usada e sem carga/descarga durante pelo menos 12 meses.

SAE - Society of Automotive Engineers. O standard de medição americano, equivalente ao standard germânico DIN.

VRLA – Valve Regulated Lead Acid (Chumbo e Ácido Regulados por Válvula).

IEC – International Electrotechnical Commission.

DIN – Deutsche Industrie Norm – A medida germânica Standard.

BCI – Battery Council International.

Bateria selada – Bateria em que todos os gases são recombinados, não existindo qualquer evaporação. A bateria é selada e não deve ser aberta em qualquer circunstância.

Bateria aberta – Bateria em que o nível de electrólito deve ser verificado duas vezes ao ano, dado que as reacções químicas produzem evaporação de gases que passam através das aberturas de enchimento.

Bateria carregada com líquido – Bateria contendo electrólito, pronta a ser instalada.

Bateria carregada seca – Esta bateria é armazenada sem electrólito. O electrólito deve ser adicionado a 1,27 em climas temperados e 1,23 em clima tropicais.

Capacidade – A quantidade de electricidade armazenada na bateria que pode ser produzida em 20 horas de descarga. Disponibilidade de energia para fornecimento a equipamento eléctrico (Ah).

Carregar – Corrente fornecida à bateria por um alternador ou um carregador externo.

Descarga – Consumo de corrente.

Grelhas – Ligas de chumbo onde material activo é colocado.

Material activo – Combinação de elementos e aditivos envolvidos em reacções químicas e trocas eléctricas.

Placas – Grelhas positivas ou negativas, revestidas com material activo.

Potência de ignição – Corrente fornecida pela bateria em descargas rápidas, a - 18º graus. Disponível para ignição (A).

Separador – Assegura uma distribuição regular entre placas para evitar curto circuitos e manter o material activo.

Sulfatação – Formação de sulfato de chumbo nas placas, devido a uma descarga excessiva da bateria.

Voltagem – Diferença de potencial (carga eléctrica) entre os terminais da bateria (em voltes). 

Texto: David Cupertino e Exide


Quem Somos   |   Contactos   |   Publicidade   |   MKT Empresas   |   Condições Legais